A verdade sobre o consumo da água

Por Rogério Cardoso

De tempos em tempos pensamos em qual o consumo ideal de água para nos mantermos hidratados diariamente. Eu mesmo já li que devemos consumir 2,5L ou oito copos por dia, 3L por dia e/ou até 5L por dia. Mas pouco se sabe sobre qual é a realidade do consumo ideal para cada pessoa.

Um longo estudo foi publicado no periódico British Journal of Nutrition com um grupo de pesquisadores holandeses que acompanharam mais de 120 mil indivíduos por mais de dez anos e estudaram as relações entre os níveis de ingestão de fluidos e mortalidade por ataque cardíaco e acidente vascular cerebral. O estudo provou que não existe nenhuma relação entre a ingestão de líquidos e causa de mortalidade por estes fatores.

Ilustração: Maria Luziano

Ilustração: Maria Luziano

Mas de onde surgiu esta verdade dos 2,5L de água por dia ou dos oito copos de água? Na data de 1945, através de um documento americano chamado “Food and Nutrition Board Recomendation”, é de onde veio que a recomendação ideal de consumo de água é de 2,5L por dia, mas que pode vir também de várias outras fontes, e não só da água pura, e como exemplos neste documento são citados os legumes, vegetais, sucos e outros alimentos para manter-se hidratado.

Além disso, os pesquisadores não encontraram evidências de que beber mais água do que o normal para matar a sede mantém a pele mais hidratada ou até previne doenças renais, como no estudo publicado no periódico “Nephrology Dialisis Transplantation” cujo titulo : “Fluid in take and all cause mortality, cardiovascular mortality and kidney function: a population based longitudinal cohort study“.

Você, meu leitor, pode estar se perguntando é que: se não há evidência científica sobre qual é a quantidade e recomendação ideal de consumo de água por dia para se manter hidratado,qual o problema de ficar desidratado então? Como qualquer remédio que na dose certa pode curar e na dose errada matar, o mesmo acontece com a água, porém é muito raro morrer intoxicado por água, embora já tenha acontecido sendo amplamente divulgado na mídia.

Sabemos que beber água melhora as funções corporais, funções bioquímicas e processos naturais para que o corpo se mantenha em equilíbrio. O problema que é visto atualmente, mas sem comprovação científica por algumas pessoas que circulam na mídia, entre eles blogueiros, famosos e etc… de que quanto mais beber água melhor não é bem verdade e não tem fundamentação científica. O melhor conselho dado pelos médicos e que serve para mim e para você é: beba água quando estiver com sede! Beber cada vez mais água pode não ser bom! Até a próxima!

 

Rogério Cardoso é personal trainer e preparador físico formado pela UFRJ, com pós-graduação em geriatria e gerontologia e treinamento desportivo. Sócio fundador da Fit Labore Assessoria

Post anterior:
Próximo Post:

Publicado em: 16 de fevereiro de 2016

Adicionado em: Boa Comida, Colunistas, Rogério Cardoso

Deixe uma resposta