Rogério Cardoso Rogério Cardoso

  • A verdade sobre o consumo da água

    Por Rogério Cardoso

    De tempos em tempos pensamos em qual o consumo ideal de água para nos mantermos hidratados diariamente. Eu mesmo já li que devemos consumir 2,5L ou oito copos por dia, 3L por dia e/ou até 5L por dia. Mas pouco se sabe sobre qual é a realidade do consumo ideal para cada pessoa.

    Continue Reading

    16 de fevereiro de 2016 • Boa Comida, Colunistas, Rogério Cardoso

  • Os cuidados para a sua saúde na internet

    Por Rogério Cardoso

    Todos nos já sabemos que vivemos a era dos corpos magros e perfeitos. Bom, digo perfeito pelo que ouço, mas não pelo que acredito. O que é o corpo perfeito? Diariamente, na minha prática no trabalho me pergunto isso. Em um mundo onde a blogueira Gabriela Pugliese diz num programa de rádio sobre“uma dica ‘mara’ pra não sair da dieta: tirar nudes e deixar com a amiga. Se a dieta vazar, os nudes vazam também. Ah! E não pode ser com mão no peitinho não, tem que ser nude total, daqueles que você jamais gostaria de ver rodando por aí”, e com sua base de mais de 1,5 milhões de seguidores, penso nas jovens que a enxergam como um modelo a ser seguido e nos pais que, muitas vezes, veem o não viver dos seus filhos em função de uma pessoa.

    Continue Reading

    21 de dezembro de 2015 • Colunistas, Festas, Rogério Cardoso

  • Permanecendo ativo no Outono/Inverno

    Com a chegada das estações Outono e Inverno, a tentação de sair da rotina de exercícios se torna ainda maior. Isso ocorre pela queda na temperatura, fazendo com que o nosso sistema “inteligente” corporal insinue que você deve reduzir o ritmo para acumular energia para o período do frio. Nós, como animais racionais, mas ainda animais, guardamos alguns genes relacionados à nossa época pré-histórica. Sabia disso?

    O lado bom de fazer o exercício nas temperaturas frias é que ele passa a ser mais revigorante e mais fácil de ser realizado, principalmente ao ar livre. Além disso, segundo uma pesquisa do Medicine and Science in Sports Exercise, a prática do exercício no frio, pelo fato de que o corpo tem que trabalhar mais para manter a temperatura corporal, faz com que a produção de endorfina seja potencializada levando a um estado maior de felicidade.  Em Piracicaba e região, são poucos os momentos do ano em que o frio é intenso e a temperatura amena torna mais agradável a pratica da atividade física. É importante ressaltar que não devemos parar neste período, pois além de termos uma melhor performance devido ao frio, a inatividade física neste período fará com que  percamos grande parte do condicionamento que tanto demorou para ser conquistador. Algumas dicas importantes podem ser colocadas para que você leve a preguiça para longe. Vamos a elas: Continue Reading

    25 de junho de 2014 • Colunistas, Rogério Cardoso

  • Aeróbico em jejum para o emagrecimento? Afinal, é bom mesmo, ou não?

    A febre vinda pelas mídias sociais com as pessoas e blogueiras e seus corpos perfeitos tem um instrumento que tem virado o suprassumo entre os aficionados do exercício, a prática do exercício aeróbico com o estômago vazio ou em jejum (AEJ). Existem até nutricionistas defendendo esta ideia. No entanto, há que se ter muito cuidado, pois já existem estudos apontando para riscos cardiovasculares e há muita gente ficando tonta ou desmaiando por causa desta prática.

    O aeróbico em jejum é muito usado por fisiculturistas em sua fase final para a competição, mas foi expandido por meio do livro Body for Life, do treinador norte-americano Bill Phillips. Diante disso, algumas pessoas resolveram colocar este tipo de treinamento logo pela manhã e a postar nas mídias sociais relatando que seus corpos foram esculpidos através do aeróbico em jejum, mas sem o cuidado de buscar as informações de qualidade sobre esta prática, confiando somente na palavra das pessoas nas mídias sociais.  Dentre as possíveis explicações dos benefícios desta prática estão as de que o exercício oxida mais gorduras durante o treino até as grandes promessas de que queimam até 7x mais gorduras do que se não estivesse em jejum.  Isso, aliado ao poder do marketing pessoal, atribuindo os corpos de celebridades com seus corpos esquálidos a esta prática fez crescer o uso do AEJ,  o que  se torna perigoso para o organismo. Continue Reading

    25 de junho de 2014 • Colunistas, Rogério Cardoso

  • Um bom ambiente para sua atividade física

    É notório que atualmente milhares de pessoas no mundo começam a realizar atividades físicas. Estamos chegando num momento em que os gostos e desejos de cada cliente são levados à tona na hora de realizar um projeto para uma academia, que pode ser particular ou em condomínio, ou até para um studio de personal. Para isso, os arquitetos usam os mais variados recursos para atender a este desejo. Uma vertente atual, que foi apresentada na última Ihrsa Fitness Brasil Latin American, é a de se trabalhar nestes ambientes sempre tentando agregar os nossos cinco sentidos. Logo na entrada e em todo o ambiente de atividade física o primeiro sentido já deve surpreender. Neste caso a visão. Os espaços, fachadas, recepções e entradas devem ser um ambiente moderno e agradável. No segundo sentido, a audição, a música deve ser interessante e agradável aos ouvidos do público atendido. No terceiro sentido, o tato, tudo deve estar em perfeita sintonia, ou seja, a decoração e as combinações de cores devem estar adequadas. O quarto sentido, o olfato (muitas lojas e academias hoje em dia já trabalham com este tipo de marketing), o cheiro deve ser agradável e condizente com a atividade física ou ambiente. O paisagismo já faz parte das grandes redes de academias e de ambientes descontraídos para a atividade física levando o cliente a uma sensação maior de relaxamento no ambiente. O último sentido seria o paladar e que neste caso se trabalha a experiência do cliente. Assim que entra até a sua saída do local em que está realizando sua atividade física o cliente deve perceber, mesmo que inconscientemente, todos os sentidos descritos acima. Esta experiência, que passa por tudo, e principalmente pelo atendimento, poderá ser um trunfo para a retenção do cliente. Continue Reading

    25 de junho de 2014 • Colunistas, Rogério Cardoso